sexta-feira, 27 de agosto de 2010



HOMOFOBIA É CRIME

Nos últimos 30 anos, o Movimento LGBT Brasileiro vem concentrando esforços para promover a cidadania, combater a discriminação e estimular a construção de uma sociedade mais justa e igualitária.
A partir de pesquisas que revelaram dados alarmantes da homofobia no Brasil, a Associação Brasileira de Gays, Lésbicas, Bissexuais, Travestis e Transexuais (ABGLT), juntamente com mais de 200 organizações afiliadas, espalhadas por todo o país, desenvolveram o Projeto de Lei 5003/2001, que mais tarde veio se tornar o Projeto de Lei da Câmara (PLC) 122/2006, que propõe a criminalização da homofobia.
O projeto torna crime a discriminação por orientação sexual e identidade de gênero - equiparando esta situação à discriminação de raça, cor, etnia, religião, procedência nacional, sexo e gênero, ficando o autor do crime sujeito a pena, reclusão e multa.
Aprovado no Congresso Nacional, o PLC alterará a Lei nº 7.716, de 5 de janeiro de 1989, caracterizando crime a discriminação ou preconceito de gênero, sexo, orientação sexual e identidade de gênero. Isto quer dizer que todo cidadão ou cidadã que sofrer discriminação por causa de sua orientação sexual e identidade de gênero poderá prestar queixa formal na delegacia. Esta queixa levará à abertura de processo judicial. Caso seja provada a veracidade da acusação, o réu estará sujeito às penas definidas em lei.
O texto do Projeto de Lei PLC 122/2006 aborda as mais variadas manifestações que podem constituir homofobia; para cada modo de discriminação há uma pena específica, que atinge no máximo 5 anos de reclusão. Para os casos de discriminação no interior de estabelecimentos comerciais, os proprietários estão sujeitos à reclusão e suspensão do funcionamento do local em um período de até três meses. Também será considerado crime proibir a livre expressão e manifestação de afetividade de cidadãos homossexuais, bissexuais, travestis e transexuais.   
Apesar dos intensos esforços e conquistas do Movimento LGBT Brasileiro em relação ao PLC 122, ainda assim, ele precisa ser votado no Senado Federal. O projeto enfrenta oposição de setores conservadores no Senado e de segmentos de fundamentalistas religiosos. Por este motivo, junte-se a nós e participe da campanha virtual para divulgar e pressionar os senadores pela aprovação do projeto.


Por quê a lei?
Ainda não há proteção específica na legislação federal contra a discriminação por orientação sexual e identidade de gênero;
Por não haver essa proteção, estimados 10% da população brasileira (18 milhões de pessoas) continuam a sofrer discriminação (assassinatos, violência física, agressão verbal, discriminação na seleção para emprego e no próprio local de trabalho, escola, entre outras), e os agressores continuam impunes;
Por estarmos todos nós, seres humanos, inseridos numa dinâmica social em que existem laços afetivos, de parentesco, profissionais e outros, essa discriminação extrapola suas vítimas diretas, agredindo também seus familiares, entes queridos, colegas de trabalho e, no limite, a sociedade como um todo;
O projeto está em consonância com a Declaração Universal dos Direitos Humanos, da qual o Brasil é signatário: “Artigo 7°: Todos são iguais perante a lei e, sem distinção, têm direito a igual proteção da lei. Todos têm direito a proteção igual contra qualquer discriminação que viole a presente Declaração e contra qualquer incitamento a tal discriminação”;
O projeto permite a concretização dos preceitos da Constituição Federal: “Art. 3º Constituem objetivos fundamentais da República Federativa do Brasil: IV - promover o bem de todos, sem preconceitos de origem, raça, sexo, cor, idade e quaisquer outras formas de discriminação [...] / Art. 5º Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza”;
O projeto não limita ou atenta contra a liberdade de expressão, de opinião, de credo ou de pensamento. Ao contrário, contribui para garanti-las a todos, evitando que parte significativa da população, hoje discriminada, seja agredida ou preterida exatamente por fazer uso de tais liberdades em consonância com sua orientação sexual e identidade de gênero;
Por motivos idênticos ou semelhantes aos aqui esclarecidos, muitos países no mundo, inclusive a União Européia, já reconheceram a necessidade de adotar legislação dessa natureza;
A aprovação do Projeto de Lei contribuirá para colocar o Brasil na vanguarda da América Latina, assim como o Caribe, como um país que preza pela plenitude dos direitos de todos seus cidadãos, rumo a uma sociedade que respeite a diversidade e promova a paz.



SIGNIFICADO DO TERMO  
A homofobia (homo= igual, fobia=do Grego φόβος "medo"), é um termo utilizado para identificar o ódio, a aversão ou a discriminação de uma pessoa contra homossexuais e, consequentemente, contra a homossexualidade, e que pode incluir formas sutis, silenciosas e insidiosas de preconceito e discriminação contra homossexuais.

Motivos para a homofobia
Alguns estudiosos e indivíduos comuns atribuem a origem da homofobia às mesmas motivações que fundamentam o racismo e qualquer outro preconceito. Nomeadamente, uma oposição instintiva a tudo o que não corresponde à maioria com que o indivíduo se identifica e a normas implícitas e estabelecidas por essa mesma maioria, nomeadamente a necessidade de reafirmação dos papéis tradicionais de gênero considerando o indivíduo homossexual alguém que falha no desempenho do papel que lhe corresponde segundo o seu gênero.

Algumas pessoas consideram que a homofobia é efetivamente uma forma de xenofobia na sua definição mais estrita: medo a tudo o que seja considerado estranho. Esta generalização é criticada porque o medo irracional pelo diferente não é, aparentemente, a única causa para a oposição à homossexualidade, já que esta atitude pode também provir de ensinamentos (religião, formas de governo, etc.), preconceito, informação ou ideologia (como em comunidades machistas), por exemplo.


..Manifestações homofóbicas
O insulto homofóbico pode ir do bullying, difamação, injúrias verbais ou gestos e mímicas obscenos mais óbvios até formas mais subtis e disfarçadas, como a falta de cordialidade e a antipatia no convívio social, a insinuação, a ironia ou o sarcasmo, casos em que a vítima tem dificuldade em provar objetivamente que a sua honra ou dignidade foram violentadas.

Alegadamente, um tipo desses ataques insidiosos mais largamente praticado pelos homófobos (pode dizer-se que em nível mundial, mas com particular incidência nas sociedades mediterrânicas, tradicionalmente machistas) e que funciona como uma espécie de insulto codificado e impune, é o de assobiar, entoar, cantarolar ou bater palmas (alto ou em surdina, dependendo do atrevimento do agressor) quando estão na presença do objecto do seu ataque, muitas vezes perante terceiros. Esta forma de apupar, humilhar, amesquinhar ou intimidar alguém parece ter raízes muito antigas. A Bíblia refere, a respeito do atribulado Job: "O vento leste (...) bate-lhe palmas desdenhosamente e, assobiando, enxota-o do seu lugar" (Job, 27:23). Na Índia rural, "os hermafroditas ou pessoas sexualmente indefinidas anunciam a sua chegada batendo palmas".


Grupos considerados homofóbicos
Há diversos grupos, políticos ou culturais que se opõem à homossexualidade. Geralmente quanto mais um grupo político se encontra à direita no espectro político maior a dose de preconceito contra pessoas homoafetivas. Dependendo da forma como aplicam a sua oposição (que varia do "não considerar um comportamento recomendável" até à "pena de morte") pode ser considerados "fundamentalistas" ou não. As manifestações desta oposição podem ter consequências diretas para pessoas não homossexuais.

Em muitos casos esta oposição tem reflexos legais, novamente variando entre leis que diferenciam entre casais do mesmo sexo e casais do sexo oposto, até países em que se aplica a pena de morte a homens que tenham sexo com homens.

No entanto, há alguns grupos dentro das ideologias e religiões apresentadas que apoiam ativamente os direitos das pessoas GLBT. Da mesma forma existem indivíduos homossexuais, associações e grupos LGBT que podem, mesmo assim, manifestar-se de forma considerada homofóbica em determinados contextos.

Agora responda:
1-  Qual a origem e o significado do termo HOMOFOBIA?
2- O que gera a homofobia?
3- Quais os tipos de manifestações homofóbicas que você já presenciou? Você tomou alguma atitude diante deste fato? Qual?
4- Perante a lei HOMOFOBIA é crime. Comente sobre a legislação brasileira no que se refere a esse tema.
5- Cite alguns grupos considerados homofóbicos. Qual a justificativa deles para tomar esta atitude?

20 comentários:

  1. 1-(homo= igual, fobia=do Grego "medo"),é um termo utilizado para identificar o ódio, a aversão ou a discriminação de uma pessoa contra homossexuais e, consequentemente, contra a homossexualidade, e que pode incluir formas sutis, silenciosas e insidiosas de preconceito e discriminação contra homossexuais.
    2-Alguns estudiosos e indivíduos comuns atribuem a origem da homofobia às mesmas motivações que fundamentam o racismo e qualquer outro preconceito.
    3-nunca presenciei homofobia na minha vida mas ja assistie na tv muito sobre esse assunto.
    4-O projeto permite a concretização dos preceitos da Constituição Federal: “Art. 3º Constituem objetivos fundamentais da República Federativa do Brasil: IV - promover o bem de todos, sem preconceitos de origem, raça, sexo, cor, idade e quaisquer outras formas de discriminação [...] / Art. 5º Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza”;
    5-Há diversos grupos, políticos ou culturais que se opõem à homossexualidadeexistem indivíduos homossexuais, associações e grupos LGBT que podem, mesmo assim, manifestar-se de forma considerada homofóbica em determinados contextos.


    Nome:Kilvia Nº26 2ºH J.A

    ResponderExcluir
  2. jéssica nº20 e Denise nº10/ 2 ano h27 de agosto de 2010 15:18

    jéssica e Denise
    2 ano h
    1-A homofobia (homo= igual, fobia=do Grego φόβος "medo"), é um termo utilizado para identificar o ódio, a aversão ou a discriminação de uma pessoa contra homossexuais e, consequentemente, contra a homossexualidade, e que pode incluir formas sutis, silenciosas e insidiosas de preconceito e discriminação contra homossexuais

    2-Algumas pessoas consideram que a homofobia é efetivamente uma forma de xenofobia na sua definição mais estrita: medo a tudo o que seja considerado estranho.

    3-nenhuma.

    4-Ainda não há proteção específica na legislação federal contra a discriminação por orientação sexual e identidade de gênero;
    Por não haver essa proteção, estimados 10% da população brasileira (18 milhões de pessoas) continuam a sofrer discriminação (assassinatos, violência física, agressão verbal, discriminação na seleção para emprego e no próprio local de trabalho, escola, entre outras), e os agressores continuam impunes;

    5-No entanto, há alguns grupos dentro das ideologias e religiões apresentadas que apoiam ativamente os direitos das pessoas GLBT. Da mesma forma existem indivíduos homossexuais, associações e grupos LGBT que podem, mesmo assim, manifestar-se de forma considerada homofóbica em determinados contextos.

    ResponderExcluir
  3. 1-(homo= igual, fobia=do Grego "medo"),é um termo utilizado para identificar o ódio, a aversão ou a discriminação de uma pessoa contra homossexuais e, consequentemente, contra a homossexualidade, e que pode incluir formas sutis, silenciosas e insidiosas de preconceito e discriminação contra homossexuais.
    2-Alguns estudiosos e indivíduos comuns atribuem a origem da homofobia às mesmas motivações que fundamentam o racismo e qualquer outro preconceito.
    3-não presenciei,mas acho uma atitude horrivel,eles tem direitos de serem felizes.
    4-O projeto permite a concretização dos preceitos da Constituição Federal: “Art. 3º Constituem objetivos fundamentais da República Federativa do Brasil: IV - promover o bem de todos, sem preconceitos de origem, raça, sexo, cor, idade e quaisquer outras formas de discriminação [...] / Art. 5º Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza”;
    5-Há diversos grupos, políticos ou culturais que se opõem à homossexualidadeexistem indivíduos homossexuais, associações e grupos LGBT que podem, mesmo assim, manifestar-se de forma considerada homofóbica em determinados contextos.

    Nome:Cristiana Nascimento
    Nº06 2ºH
    J.A

    ResponderExcluir
  4. Mayara borges maciel rodrigues (2 ano H)JA27 de agosto de 2010 15:19

    1-a Associação Brasileira de Gays, Lésbicas, Bissexuais, Travestis e Transexuais (ABGLT).
    2-é um termo utilizado para identificar o ódio, a aversão ou a discriminação de uma pessoa contra homossexuais e, consequentemente, contra a homossexualidade, e que pode incluir formas sutis, silenciosas e insidiosas de preconceito e discriminação contra homossexuais.
    3-um grupo de garotos, ao verem um travestir,acho qe se encomodaram com a presença dele(ironia), e partiram pra cima agredindo ele , sendo que, ele estava com a mãe que presenciou tudo, nao sei oqe aconteceu depois , porque eu sai correndo , mas foi uma coisa triste de se ver.mas o qe se faz na terra ,aqui mesmo se paga.
    4-Ainda não há proteção específica na legislação federal contra a discriminação por orientação sexual e identidade de gênero;acho que a lei esta cometendo um crime , pois eles, são como nós também tem os seus direitos de cidadão. devem se protegidos.
    5-tem grupos de garotos , que agridem pessoas sem motivo algum, mas na verdade eles tem medo , medo de ser e nao querer asssumir , medo de um dia poder se tronar igual a eles , mas acho que esses jovens na verdade nao tem amor, o amor paterno e materno , o amor de amigo ate mesmo uma falta de abraço , carinho , companherismo , ou então ja nascem com estinto de violência.

    ResponderExcluir
  5. Jonantan Lincoln e Erika Maria27 de agosto de 2010 15:20

    1-(homo= igual, fobia=do Grego φόβος "medo"), é um termo utilizado para identificar o ódio, a aversão ou a discriminação de uma pessoa contra homossexuais.
    2-Agressividade contra os homossexuais.
    3-Bullyng,não
    4-O projeto torna crime a discriminação por orientação sexual e identidade de gênero - equiparando esta situação à discriminação de raça, cor, etnia, religião, procedência nacional, sexo e gênero, ficando o autor do crime sujeito a pena, reclusão e multa.
    5-ESquin Red,eles odeiam todos os excluidos da sociedade como;os negros,homossexuais e nordestinos.


    nomes:Jonatan Lincoln nº21
    Erika maria nº12
    2ª H tarde sala 9

    ResponderExcluir
  6. JOSÉ GENIVALDO, LUÃ FREIRE 2ºH27 de agosto de 2010 15:22

    1- E A PESSOA QUE TEM MEDO OU RAIVA DE GAYS
    2- O MEDO DE SE TORNAR UM GAY TAMBEM
    3- MUITAS VESES AGRESÃO, A UNICA REAÇÃO QUE TOMEI FOI NÃO DEIXAR O HOMOFOBICO BATER NO GAY
    4- AS LEIS SÃO MUITO POUCO RIGIDA NESSE CASO, HOMOFOBIA E CRIME
    5- MUITAS VESES SÃO PESSOAS QUE QUEREM MANTER SUA MASCULINIDADE E ALTA,MUITAS VESES SÃO PESSOAS QUE PRATICAM ACADEMIAS OU LUTAS ESPECIAIS, E SE JUSTIFICAM PORSEREM MUITOS MASCOLUS

    ResponderExcluir
  7. karla fabiana n*25/ Ronaldy Amaral n*36/2*h sala -927 de agosto de 2010 15:22

    1*A homofobia (homo= igual, fobia=do Grego φόβος "medo"), é um termo utilizado para identificar o ódio, a aversão ou a discriminação de uma pessoa contra homossexuais
    2*Nomeadamente, uma oposição instintiva a tudo o que não corresponde à maioria com que o indivíduo se identifica e a normas implícitas e estabelecidas por essa mesma maioria, nomeadamente a necessidade de reafirmação dos papéis tradicionais de gênero considerando o indivíduo homossexual alguém que falha no desempenho do papel que lhe corresponde segundo o seu genero 3*eu tenho um amigo bisexual que se veste como mulher ,sempre quando ele passa na escola os meninos principalmente ,jogam piadinhas ,muitas vezes eu já discuti com alguns meninos mais não resolve de muita coisa não............4*
    Há diversos grupos, políticos ou culturais que se opõem à homossexualidade. Geralmente quanto mais um grupo político se encontra à direita no espectro político maior a dose de preconceito contra pessoas homoafetivas. 5* Dependendo da forma como aplicam a sua oposição (que varia do "não considerar um comportamento recomendável" até à "pena de morte") pode ser considerados "fundamentalistas" ou não. As manifestações desta oposição podem ter consequências diretas para pessoas não homossexuais.

    Em muitos casos esta oposição tem reflexos legais, novamente variando entre leis que diferenciam entre casais do mesmo sexo e casais do sexo oposto, até países em que se aplica a pena de morte a homens que tenham sexo com homens.

    ResponderExcluir
  8. 1° A homofobia (homo= igual, fobia=do Grego φόβος "medo").
    Homofobia caracteriza o medo e o resultante desprezo pelos homossexuais que alguns indivíduos sentem. Para muitas pessoas é fruto do medo de elas próprias serem homossexuais ou de que os outros pensem que o são.
    2° agressividade contra os homenssexuais.
    3°agressões com palavras.Sim ,Ja defendi.
    4° pretende punir como crime qualquer tipo de reprovação ao homossexualismo.
    5°Há diversos grupos, políticos ou culturais que se opõem à homossexualidade. Geralmente quanto mais um grupo político se encontra à direita no espectro político maior a dose de preconceito contra pessoas homoafetivas. Dependendo da forma como aplicam a sua oposição (que varia do "não considerar um comportamento recomendável" até à "pena de morte") pode ser considerados "fundamentalistas" ou não. As manifestações desta oposição podem ter consequências diretas para pessoas não homossexuais.
    O insulto homofóbico pode ir do bullying, difamação, injúrias verbais ou gestos e mímicas obscenos mais óbvios até formas mais subtis e disfarçadas, como a falta de cordialidade e a antipatia no convívio social, a insinuação, a ironia ou o sarcasmo, casos em que a vítima tem dificuldade em provar objetivamente que a sua honra ou dignidade foram violentadas.

    LUANA REZES DOS SANTOS n° 27
    ANDERSON DA SILVA FRANÇA n° 02
    2° ano H tarde !!

    ResponderExcluir
  9. Mayana. N°40 e Jamilli N°19 (2°H)
    1-É um termo utilizado para identificar o ódio, a aversão ou a discriminação de uma pessoa contra homossexuais e, consequentemente, contra a homossexualidade, e que pode incluir formas sutis, silenciosas e insidiosas de preconceito e discriminação contra homossexuais.
    2-Alguns estudiosos e indivíduos comuns atribuem a origem da homofobia às mesmas motivações que fundamentam o racismo e qualquer outro preconceito.
    3-nunca presenciei homofobia na minha vida mas ja assistie na tv muito sobre esse assunto.
    4-O projeto permite a concretização dos preceitos da Constituição Federal: “Art. 3º Constituem objetivos fundamentais da República Federativa do Brasil: IV - promover o bem de todos, sem preconceitos de origem, raça, sexo, cor, idade e quaisquer outras formas de discriminação [...] / Art. 5º Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza”;
    5-Há diversos grupos, políticos ou culturais que se opõem à homossexualidadeexistem indivíduos homossexuais, associações e grupos LGBT que podem, mesmo assim, manifestar-se de forma considerada homofóbica em determinados contextos.

    ResponderExcluir
  10. aline sales de freitas n;1 2H tarde27 de agosto de 2010 15:25

    1; A homofobia (homo= igual, fobia=do Grego φόβος "medo"), é um termo utilizado para identificar o ódio, a aversão ou a discriminação de uma pessoa contra homossexuais e, consequentemente, contra a homossexualidade, e que pode incluir formas sutis, silenciosas e insidiosas de preconceito e discriminação contra homossexuais.
    2;o racismo e qualquer outro preconseito...
    3;numca presenciamos
    4;entre casais do mesmo sexo e casais do sexo oposto, até países em que se aplica a pena de morte a homens que tenham sexo com homens...
    5;glbttt

    ResponderExcluir
  11. Renata ferreira/Monalisa cardoso 2 ANO H TARDE27 de agosto de 2010 15:27

    1-A homofobia (homo= igual, fobia=do Grego φόβος "medo"), é um termo utilizado para identificar o ódio, a aversão ou a discriminação de uma pessoa contra homossexuais e, consequentemente, contra a homossexualidade, e que pode incluir formas sutis, silenciosas e insidiosas de preconceito e discriminação contra homossexuais.

    2-o racismo e qualquer outro preconceito.

    3-nunca prezenciei.mas tomaria uma atitude se preciso.

    4-O projeto torna crime a discriminação por orientação sexual e identidade de gênero - equiparando esta situação à discriminação de raça, cor, etnia, religião, procedência nacional, sexo e gênero, ficando o autor do crime sujeito a pena, reclusão e multa.

    5-No entanto, há alguns grupos dentro das ideologias e religiões apresentadas que apoiam ativamente os direitos das pessoas GLBT.

    ResponderExcluir
  12. Rodrigo de souza MARTINS,Carlos André, N°34,N-05 2ano H, josé de alencar27 de agosto de 2010 15:29

    1. O termo HOMOFOBIA vem do grego que quer dizer, medo do igual.
    2. São os mesmos motivos que levam ao rascismo etc,
    na verdade é você não querer se misturar com o estranho.
    3.Já observei varios fato de HOMOFOBIA, piadas, motins para agressões etc....mas não pude fazer nada.
    4.sim, a legislação brasileira ,proibe qual descriminação que também inclui aa pessoas que se enquadram no (glbttt).
    5.Os (GLBTTT),porque eles sentem o desejo é atração por pessoas do mesmo sexo.

    ResponderExcluir
  13. Felipe Ramon n°14 - Diego Patricio n°11 - 2ª H Tarde27 de agosto de 2010 15:31

    1 - GREGRA - Homofobia (homo= igual, fobia=do Grego φόβος "medo").

    2 - O insulto homofóbico pode ir do bullying, difamação, injúrias verbais ou gestos e mímicas obscenos mais óbvios até formas mais subtis e disfarçadas, como a falta de cordialidade e a antipatia no convívio social, a insinuação, a ironia ou o sarcasmo, casos em que a vítima tem dificuldade em provar objetivamente que a sua honra ou dignidade foram violentadas.

    3 - Transexualidade, Homossexualidade, Lesbianismo.
    Apenas observei sem discriminar, não concordando, não opinando e também não discriminando.

    4 - A "Lei" atualmente não garante proteção mas entra em contradição quando:
    O projeto está em consonância com a Declaração Universal dos Direitos Humanos, da qual o Brasil é signatário: “Artigo 7°: Todos são iguais perante a lei e, sem distinção, têm direito a igual proteção da lei. Todos têm direito a proteção igual contra qualquer discriminação que viole a presente Declaração e contra qualquer incitamento a tal discriminação”
    Ainda faltam melhrias para esses casos na "Lei"...
    Por motivos idênticos ou semelhantes aos aqui esclarecidos, muitos países no mundo, inclusive a União Européia, já reconheceram a necessidade de adotar legislação dessa natureza

    5 - Há alguns grupos dentro das ideologias e religiões apresentadas que apoiam ativamente os direitos das pessoas GLBT. Da mesma forma existem indivíduos homossexuais, associações e grupos LGBT que podem, mesmo assim, manifestar-se de forma considerada homofóbica em determinados contextos.

    ResponderExcluir
  14. ROMARIO,GENILSON N 16,17 2 H27 de agosto de 2010 15:32

    1-É o termo para indetificar o odio,odescriminação ou medo dessa sexualidade.
    2-A homofobia gera violencia,o racismo,o preconceito sobre a escolha sexual.O medo de ser diferente das outras pessoas.
    3-O buly com sexualidade das pessoas mas largamente ato homofobico,especie de insulto do agresor.
    4-emk muitos casos de homofobia tem reflexos legais diferencia casais do mesmo sexo.
    5-Os dos grupos o casamento gay ainda ñ foi legalizado na lei.

    ResponderExcluir
  15. Mickelle ribeiro Nº29 2°anoH tarde escola jose de alencar27 de agosto de 2010 15:33

    1- A homofobia (homo= igual, fobia=do Grego "medo"), é um termo utilizado para identificar o ódio, a aversão ou a discriminação de uma pessoa contra homossexuais e, consequentemente, contra a homossexualidade, e que pode incluir formas sutis, silenciosas e insidiosas de preconceito e discriminação contra homossexuais.

    2-o racismo e qualquer outro preconceito ,medo a tudo o que seja considerado estranho.

    3-ironia e sarcasmo, a atitude que eu tomei foi que eu pedi para para com isso ,pois era uma falta de respeito

    4- Ainda não há proteção específica na legislação federal contra a discriminação por orientação sexual e identidade de gênero;
    Por não haver essa proteção, a população brasileira continuam a sofrer discriminação como assassinatos, violência física, agressão verbal, discriminação na seleção para emprego e no próprio local de trabalho, escola, entre outras. ESta só no papel mas não, fazem nada.

    5-há alguns grupos dentro das ideologias e religiões apresentadas que apoiam ativamente os direitos das pessoas GLBT e tambem associações e grupos LGBT.

    ResponderExcluir
  16. lucas façanha de sousa 2ano-H numero;2827 de agosto de 2010 15:38

    01)A homofobia (homo= igual, fobia=do Grego φόβος "medo"), é um termo utilizado para identificar o ódio, a aversão ou a discriminação de uma pessoa contra homossexuais e, conseqüentemente, contra a homossexualidade, e que pode incluir formas sutis, silenciosas e insidiosas de preconceito e discriminação contra homossexuais.

    02)o racismo e qualquer outro preconceito.

    03)vários mais não pude fazer nada pois era minoria

    04)O projeto torna crime a discriminação por orientação sexual e identidade de gênero - equiparando esta situação à discriminação de raça, cor, etnia, religião, procedência nacional, sexo e gênero, ficando o autor do crime sujeito a pena, reclusão e multa. -mais bem que podia ser mais rigoroso.

    05)os Glbttt- pelo modo de ser.

    ResponderExcluir
  17. thaynara n°38 tarde jose de alencar 2H27 de agosto de 2010 15:39

    1- grego (homo=igual fobia= medo)
    2-a homofobia gera medo, racismo e etc..
    3-nenhuma
    4-ainda não ha proteção especifica na legislação federal contra a discriminação por orientação sexual e identidade de genero.
    5-da mesma formas existe grupos GLPT e grupos LGBT.

    ResponderExcluir
  18. Débora Pereira n09* Brena Maria n 03 2 H27 de agosto de 2010 15:41

    1-A homfobia homo=igual fobia do grego fobos medo.2-nomeadamente uma opçao instintiva a tudo que nao corresponde a maioria.3-sim,ja presenciei homens se beijando com homens e mulheres com mulheres.4-o insulto homofobicos jera insultos e jestos obsenos.

    ResponderExcluir
  19. Romario da silva gomes 3ºano j noite

    1- E A PESSOA QUE TEM MEDO OU RAIVA DE GAYS
    2- O MEDO DE SE TORNAR UM GAY TAMBEM
    3- MUITAS VESES AGRESÃO, A UNICA REAÇÃO QUE TOMEI FOI NÃO DEIXAR O HOMOFOBICO BATER NO GAY
    4- AS LEIS SÃO MUITO POUCO RIGIDA NESSE CASO, HOMOFOBIA E CRIME
    5- MUITAS VESES SÃO PESSOAS QUE QUEREM MANTER SUA MASCULINIDADE E ALTA,MUITAS VESES SÃO PESSOAS QUE PRATICAM ACADEMIAS OU LUTAS ESPECIAIS, E SE JUSTIFICAM PORSEREM MUITOS MASCOLUS

    ResponderExcluir
  20. TamaraMartins 2H
    1-A homofobia quer dizer (homo= igual, fobia=medo)esse termo se refere a pessoas que tem raiva odio ou nãoo aceita de formar alguma a homossexualidade e acabam demostrando essa raiva atraves da discriminação e do preconceito.
    2-A homofobia ela e gerada por que o individuo nãoo aceita q o outro venha desempenha seu papel de diferente forma.Pra um pessoa homofobica as coisas tem que ser de acordo com a maioria se houver pessoas que tem uma opção sexual diferente pra essa pessoa ela está tendo uma atitude errada.
    3-ja presenciei muitas atitudes homofobicas no onibus na escola etc,as maioria das pessoas principalmente meninos tem homofobia e acabam discriminando essas pessoas q tem uma opção sexual diferente.mas nunca tomei atitude em relação a essa questão.
    4-Alguns procuram q essa lei faça valer e outros são contra achando que isso nãoo e uma questão de lei.mas para cada tipo de agreçãoo discriminação existe uma lei que atinge no maximoocinco anos reclusão.
    5-ha diversos grupos q não aceitam a homossexualidade,politicos,sociais,culturais eles podem ser considerados (fundamentalistas).

    ResponderExcluir