sexta-feira, 2 de novembro de 2012

Dicas de Humanas para o ENEM


Jovens que vão fazer o Enem 2012 e que no primeiro dia vão encarar uma prova da área de Humanas. É mais do que válido lembrá-los de datas que receberam ou recebem uma atenção especial neste ano pelo fato de serem "datas fechadas" (que completam 10 anos, 20 anos, 25 anos... em 2012), e costumeiramente são lembradas em reportagens especiais na TV e jornais ou em sites. Sei que o “datismo” está fora de moda, mas continuamos a viver numa sociedade que gosta de celebrações/ aniversários de fatos marcantes, pessoas vivas e que já morreram. Vale mencionar que estes temas "celebrados/ lembrados" contribuem de alguma forma para nosso embasamento sobre atualidades, apesar de achar que não se estuda "atualidades", mas se vive esse momento.
A maioria destas datas, já conhecidas por todos, pode servir de base na elaboração de um exame como o Enem que, a meu ver, parte do presente para montar questões sobre os mais diversos assuntos de nossa História Geral e do Brasil. O importante não é só lembrar, mas também relacionar com temas atuais.

Pois bem, 2012:
a) É o centenário de Nelson RodriguesJorge AmadoLuiz Gonzaga, do "Tarzan" e da Teoria da Deriva Continental. Lembrar de Luiz Gonzaga, a principal voz do Nordeste, num ano de seca na região, é nos remeter a música "Asa Branca"; E o Jorge Amado, escritor celebrado, que fez parte do PCB (que completa 90 anos este ano), tornou-se deputado e criou uma lei de liberdade religiosa de cultos - assunto em sintonia com a lei nº 10.639 - que torna obrigatório o ensino de história e cultura afro-brasileira. E há vários Enem’s que a temática afro vem aparecendo nos exames;
b) 190 anos da "Independência" do Brasil;
c) Este ano, ocorreu a Rio+20, não temos que lembrar os 20 anos da ECO92e os 15 anos do Protocolo de Kyoto;
d) Em tempos de crise econômica na Europa e Nobel da Paz para UE, temos só 10 anos do Euro;
e) 50 anos de morte de Cândido Portinari (grande pintor brasileiro que já foi abordado em Enem’s anteriores); 25 anos de morte e 110 anos do nascimento de Carlos Drummond de Andrade;
f) Celebramos os mortos e os vivos também. Parabéns aos setentões Gil,CaetanoPaulinho da Viola e Milton (dá pra nos espantarmos se cair algum trecho de música deles?). Seria covardia se abordassem o Tropicalismo ou oClube da Esquina;
g) 80 anos da Revolução Constitucionalista (1932), uma boa ocasião para "celebrar' o já tão celebrado estado de SP;
h) Minha grande aposta, 90 anos da Semana de Arte Moderna, por tudo que ela representa para nossa literatura; [Não só para a literatura, mas em todos os segmentos da arte e deve ser lembrado que há conexão com o que se estava “vivendo” na época: política, economia, etc] Nota da blogueira.
i) 25 anos do Plano Bresser e do acidente nuclear do Césio 137 (Goiânia), talvez improvável, por ter caído uma questão no Enem passado sobre energia nuclear;
j) Ano de Olimpíada em Londres e 40 anos do Atentado em Munique;
l) Ano de eleição nos EUA e 40 anos do caso Watergate;
m) 30 anos da Guerra das Malvinas;
n) 95 anos da Revolução Russa;
o) 90 anos do "Dezoito do Forte"
p) 75 anos do Estado Novo;
q) 50 anos da Crise dos Mísseis e da querida Mafalda (sem aniversário), a menina já cai em provas;
r) 20 anos do fim do Apartheid e Impeachment do Collor (tema improvável de cair, pois trata de corrupção de um governo, algo que acontece no governo passado e o tema já caiu ano passado com a questão sobre os "Cara-pintadas");
s) 35 anos que Rachel de Queiroz entrou na ABL (Academia Brasileira de Letras), pois é em ano de seca (Rachel e seu "O Quinze" podem ser lembrados);
t) 40 anos da Guerra dos Seis Dias;
u) Temos no contexto da Guerra FriaDoutrina Truman e Plano Marshall (65 anos);
v) Os 45 anos da Constituição de 67 e da morte de Che Guevara;
x) Os 35 anos de morte de Clarice Lispector, tão presentes nas redes sociais.


É isso, na ausência de uma bola de cristal, especulações em cima do que estudamos e vivenciamos é uma maravilha. Boa sorte a todos!

Por Luís Carlos Saldanha (adaptado)

2 comentários:

  1. Obrigada por divulgar o trabalho do meu colega e tb o blog Só pra Historiar (fonte deste post).

    ResponderExcluir